Busca no Site:
Eventos
 
Do mercado
 

Perguntando seja a quem for e onde for, a resposta é sempre  a mesma: os negócios vão mal. E se para aqueles que vão bem, preferem dizer também que vão mal para não criar mais inveja e mau olhado. Mas, a verdade pode ser outra, se você olhar para o seu negócio de forma diferente.

Primeiro, analise o que está mal. Na maioria dos casos está  faltando cliente, freguês, que está disposto a pagar bem e em dia pelo seu serviço ou produto. Então, estamos falando do tal de mercado, ou seja o conjunto de consumidores ao qual você pode oferecer seus serviços ou produtos. E a primeira característica desse conjunto é que ele é muito dinâmico. Se você por exemplo for padeiro e está  no negócio  há  20 anos, seus clientes  de vinte anos atrás estão  vinte anos mais  velhos,  precisam ter mais cuidado com a saúde, as famílias cresceram, e pode ser que estejam passando por dificuldades financeiras que não conheciam há vinte anos atrás.

Você que é dono de uma empresa prestadora de serviços e produtos para uma empresa maior, por exemplo a CEMIG, PETROBRAS  ou USIMINAS, sabe que os tempos mudaram e as empresas mudaram. Essas grandes empresas transformam-se com mais rapidez do que o esperado e também são mais sensíveis  às crises  macro-econômicas, como a que  o Brasil está enfrentando hoje em dia.

E como se adaptar a essas mudanças que são uma constante do empresário ou do empreendedor brasileiro? Comece mais uma vez com a sua mudança, ou seja, você aceitando que precisa mudar. "Em time que ganha não se mexe" é uma velha mentira para perder o próximo jogo. As mudanças têm que ser feitas enquanto as coisas estão bem. E a primeira é a revisão  do seu mercado.

Seus clientes continuam fieis a você ou já debandaram e estão fazendo negócios com os concorrentes? Por que? Uma análise simples, não precisa usar analytics  da Google e outros instrumentos sofisticados, vai lhe dar as  respostas, se você fizer as perguntas certas. E olhe que os seus concorrentes estão fazendo. Concorrência é coisa seria e tem que ser acompanhada com muita atenção.

E o  próximo olhar é geográfico. O Brasil tem a vantagem de ser um país grande, com 200 milhões de habitantes e mercados diversificados. O pessoal do Sul e do Triângulo Mineiro tem à sua disposição o maior e melhor mercado da América Latina, São Paulo. Os do norte de Minas estão perto da Bahia, e os da Zona da Mata, do Rio de Janeiro. E enquanto estamos preocupados em exportar, onde todos dizem que ajudam, estamos deixando o grande mercado brasileiro para os concorrentes. Vamos conquistar o Brasil?

STEFAN SALEJ

Como empresário foi fundador de Tecnowatt Iluminação e Selpe- Seleção de pessoal entre outras empresas. Membro de vários Conselhos de empresas privadas e órgãos governamentais como Capes e CNPQ. ex- presidente do  Conselho do Sebrae MG; da Federação das Indústrias de Minas Gerais, FIEMG; Vice Presidente da CNI; professor universitário; Enviado especial ( Embaixador) do Governo da Eslovénia para América Latina; Diretor geral do Centro internacional para empresas públicas da ONU; palestrante e autor de artigos e publicações no Brasil e no exterior; condecorado pelos Governos do Brasil e de  Minas e no exterior; formado em administração de empresas, post graduado em ciência política e marketing internacional.



Clique para imprimir! Voltar a página inicial! Voltar a página anterior!
 
 
 
 












Stefan Salej

AGENCIA BRASIL

TURMA DO BUNEKO

Fotos dos eventos com cobertura jornalistica de O Raio

ACESSE OS RESULTADOS DAS LOTERIAS

Venha se Hospedar na Morada do Sol

FORMULA PARA CÁLCULOS DE JUROS

ATLHETIC CLUB

www.canilmolossosdecamargos.com.br

NUCAVE - Núcleo Campos das Vertentes

Unimed São João Del Rei

Paulo Rivetti

Camara Municipal de São João Del Rei

 

 

 
  A Empresa | Eventos | Guia de Negócios | Legislação | Destaques | Contato | Mapa do Site
Todos os Direitos Reservados © 2018 DACAF - NOTICIAS E EVENTOS
Jornalista Responsável: Dermeval Antônio do Carmo Filho - MTE 17933MG
 
 
Página inicial Dacaf! Revista O Raio!